CRANCO MOLE – O QUE É, CAUSAS, SINTOMAS E TRATAMENTOS

Cancro mole é uma doença sexualmente transmissível e que é muito frequente especialmente, nas regiões tropicais.  O vírus pode ter um período de 3 a 5 dias de incubação, podendo em alguns casos chegar a 14 dias.

Um dos primeiros casos que aconteceram e que com o passar do tempo se tornou mais conhecido e procurado, para realizar estudos e entender como prevenir o aparecimento da doença, foi na década de 1990 em que aproximadamente 6 milhões de casos foram notificados em todo o mundo.

Essa doença é causada pela bactéria conhecida como gram-negativa chamada também de Haemophilus ducreyi, pertencente ao grupo estreptobacilo. Um dos primeiros sintomas do aparecimento dessa DTS são as feridas que surgem pelo corpo, que com formato irregular e avermelhada pode se tornar contagiosa.

Os casos mais recorrentes acontecem com pessoas do sexo masculino. O cancro mole também pode ser conhecido como cavalo, cancroide ou cancro venéreo. Com o tratamento correto de acordo com a indicação médica, essa doença possui grandes chances de cura, ao contrário de outras DTS’s como, por exemplo, a herpes genital.

O QUE É CANCRO MOLE

Cancro mole é o nome comum que conhecemos a doença sexualmente transmissível.

Esta doença pode ser causada pelo atrito realizado durante a relação sexual, que pode provocar pequenas fissuras na pele e assim, causar microlesões por onde o vírus do cancro mole pode se instalar no organismo humano.

A doença pode aparecer além das causas sexuais, também pelos maus hábitos de higiene que propiciam a contaminação com o vírus, fazendo com que aumente de modo recorrente os casos de cancro mole, especialmente nas regiões mais quentes.

O vírus pode ser transportado através de uma relação sexual por vira oral, anal ou vaginal.  No entanto, essa não é a única forma de proporcionar a contaminação. Em casos que ocorre apenas o contato com o vírus, tocando o fluído a bactéria pode ser transferida e assim, contaminar outra pessoa mesmo sem a relação sexual.

Leia Mais:  CAPA PENIANA FUNCIONA? →【COMO DEMORAR A GOZAR】

cancro mole

AS PRINCIPAIS CAUSAS DO CANCRO MOLE

Dentre as diferentes causas de transmissão da bactéria que causa o cancro mole, vamos mostrar aqui quais são as principais, para que você procure se proteger e evitar as possíveis causas de transmissão:

A única maneira de conseguir diagnosticar a doença e ter a real certeza se é um problema que irá precisar de tratamentos assim como, um correto acompanhamento médico, é a partir da realização de exames que deverão ser solicitados pelo profissional da área de saúde.

Será realizada a coleta do fluído para realizar os testes de laboratório adequados e assim, verificar a existência da bactéria bem como, o tratamento

Não é apenas um teste que consegue proporcionar o diasgnóstico correto. Serão realizados uma bateria de exame, para obter um diagnóstico preciso.

É importante que ao menor sinal do aparecimento da doença ou o mais simples sintoma, você já busque realizar uma consulta médica para que assim, consiga identificar o problema logo no início quando as chances de cura são maiores, para que você consiga ter qualidade de vida novamente e possa retomar a prática sexual muito mais tranquilo.

Leia Mais:  DISCRIMINAÇÕES DE SEXO: O PESADELO DOS HOMENS

Leia Também:

A Libido Na Mulher

SINTOMAS DO CANCRO MOLE

Passado o período de incubação do vírus, os principais sintomas podem aparecer em um período de 4 a 10 dias, podendo chegar até 35 dias.

Um dos principais sintomas dessa doença, são lesões como úlceras que podem ter de 1 a 2 cm, de acordo com a gravidade do caso e da infecção, e que causam grande dor para o paciente. Para caracterizar as lesões, é preciso verificar se elas possuem bordas irregulares além de contornos inchados, cor avermelhada e fundo irregular. Além disso, devem estar cobertas por uma secreção amarelada, em muitos casos com odor fétido com fácil sangramento.

Na maior parte dos casos, os pacientes reclamam muito de dores na região íntima onde geralmente, se concentra a maior quantidade de úlceras. Essa dor acontece ainda, assim como o desconforto, pelos ferimentos que são encontrados e que dificultam atividades que antes eram facilmente realizadas.

Em muitos casos quando é identificado um caso de herpes genital que pode também ter candidíase, são geralmente confundidas com cancro mole.

No caso do aparecimento do cancro mole em homens, geralmente se manifesta em reguões como no prepúcio, frênulo, haste do pênis, meato uretral, e sulco balanoprepucial. Pode acontecer ainda o surgimento de uma íngua unilareal que provoca grande quantidade de dor e extração de pus.

Já na mulher os sintomas podem aparecer logo na entrada da vagina, assim como na face interna dos grandes lábios, parte interna das coxas, surgindo ainda pequenos sintomas no colo uterino e na parede da vagina.

TRATAMENTO DO CANCRO MOLE

Com a utilização de antibióticos devidamente prescritos por médicos especialistas em saúde sexual, é possível alcançar a cura da doença, proporcionar novamente uma vida comum para o paciente.

Leia Mais:  MELHORAR O SEU ESPERMA

cranco mole tratamentosUm dos principais modos de evitar o aparecimento de todos os sintomas apresentados no tópico anterior, é utilizar a camisinha e outros preservativos em todas as relações sexuais.

Deve ser observado que mesmo que o parceiro não possua sintomas do Cancro Mole, é importante que os envolvidos com a pessoa contaminada pelo vírus do cancro mole, realize da mesma forma o tratamento evitando até mesmo o aparecimento de pequenos sintomas.

Ao longo dos dias do tratamento, deverá ser respeitada a abstinência sexual do paciente, principalmente no caso das mulheres.

É muito importante que a correta higienização seja realizada antes e depois da relação sexual, até mesmo para evitar a contaminação de DTS’s, como forma de prevenção mesmo quando houve a utilização de camisinhas.

Realizar a prática do sexo seguro, com a utilização de preservativos além da prática correta da higiene, são as principais formas de conseguir evitar a infecção com essa bactéria e ter a sua qualidade de vida totalmente comprometida.

Artigos relacionados

A LIBIDO NA MULHER

URETRITE – O QUE É, CAUSAS, SINTOMAS E TRATAMENTOS

MELHORAR O SEU ESPERMA

DISCRIMINAÇÕES DE SEXO: O PESADELO DOS HOMENS

CAPA PENIANA FUNCIONA? →【COMO DEMORAR A GOZAR】

HERPES GENITAL – O QUE É, CAUSAS, SINTOMAS E TRATAMENTOS

HPV – O QUE É, CAUSAS, SINTOMAS E TRATAMENTOS